A Volkswagen entrou definitivamente para a briga dos pesados no Brasil. Este segmento, que representa a metade do mercado brasileiro de caminhões, tem recebido a atenção dos fabricantes, que estão protagonizando uma grande disputa por cada fatia de participação.

A grande novidade, depois de um investimento de cerca de um bilhão de reais, é o lançamento dos cavalos mecânicos VW Meteor 28.460 6×2 e VW Meteor 29.520 6×4, com cabine Volkswagen inédita, e da nova versão do Constellation, agora extrapesado, com o modelo 33.460 6×4.

Dois modelos e motor brasileiro

NOVOS VW METEOR

Os novos caminhões utilizam o motor MAN D26 de 13 litros. Eles são feitos no Brasil e chegam em duas novas versões, com 460 e 520 cavalos de potência, nas duas novas configurações do Meteor e 460 no novo cavalinho Constellation.

O Meteor 28.460 tem configuração de eixos 6×2 e, com seus 460 cavalos de potência e torque de até 2.300 Nm, tem capacidade para composições de Peso Bruto Total Combinado de 48,5 a 53 toneladas. Tem aplicações diversas na carreta de três eixos, como basculante, baú carga geral, baú frigorífico, carga seca, cegonheiro, graneleiro, porta-contêiner, sider, silo, tanque, etc.

No modelo mais potente, o Meteor 29.520 é 6×4, tem motor de 520 cavalos de potência e torque máximo de 2.500 Nm. Segundo a Volkswagen Caminhões e Ônibus, o motor teve mais de 130 componentes modificador para chegar até a potência e torque necessários, com o consumo equilibrado. É caminhão indicado para puxar combinações com Peso Bruto Total Combinado de 57 a 74 toneladas, com sete ou nove eixos.

Transmissão “DA NASA”

A transmissão dos caminhões é a famosa TraXon. É um dos modelos de transmissão mais modernos da ZF, que entrega um elevado nível de performance com relações amplas de marchas e alta eficiência nas trocas, com excelente relação potência-peso. Esta transmissão conta com a inovadora unidade eletrônica da ZF. Os Meteor da Volkswagen utilizam a TraXon de 12 e 16 velocidades.

Mas, e o TGX?

Perguntada sobre a descontinuação da linha dos cavalos extrapesados TGX no Brasil, a Volkswagen Caminhões e Ônibus responde que vai manter os caminhões em linha. “Vamos manter a estratégia dual brand e oferecer os MAN TGX no segmento de extrapesados Premium, mas agora temos uma linha completa de caminhões extrapesados, com motorização para participar do mercado em outros segmentos”, disse o vice-presidente Vendas e Marketing da Volkswagen Caminhões e Ônibus, Ricardo Alouche, em entrevista coletiva que a reportagem do Planeta Caminhão acompanhou.

Fica ainda a pergunta no ar: como os modelos TGX 28.440 e 29.480 vão sobreviver com a concorrência dos novos Meteor? Os caminhões lançados pela VW trazem um acabamento diferenciado, com elementos que lembram o design e a sensação dos carros de passeio da marca, uma das impressões que a fabricante já havia experimentado em sua família Delivery de caminhões leves.

Um Constellation “pesadão”

Complementando o dia de lançamentos de caminhões Volkswagen, mais uma novidade na populosa família Constellation: o novo 33.460 com configuração de eixos 6×4 aproveita o trem de força do irmão Meteor, mas não herda os luxos da cabine nova. Tem o mesmo motor MAN D26 com 460 cavalos de potência e, segundo a Volkswagen Caminhões e Ônibus vai atender empreitadas off-road e de uso misto. O Peso Bruto Total Combinado (PBTC) é de até 74 toneladas e a Capacidade Máxima de Tração (CMT) chega a 125 toneladas, consagrando a sua vocação versátil e passando pelos exaustivos testes que a fabricante realizou durante os últimos dois anos.

Unidades já vendidas

E a VW Caminhões e Ônibus fez o lançamento do novo Meteor e já anunciou que tem 210 unidades encomendadas por dois clientes. A Transpipeline, da região Norte, encomendou 110 caminhões VW Meteor 29.520 6×4 para rodar na rota Manaus-Boa Vista puxando tanques de gás GNL. A locadora de veículos Vamos fez o pedido de 100 unidades do caminhão VW Meteor 28.460 6×2. A informação é que a negociação com este modelo chega a 1.350 unidades para a Vamos.

“Os extrapesados VW chegam ao mercado com o pé direito, mostrando que estreiam para fazer história após quatro anos de minucioso desenvolvimento, sempre ouvindo nossos clientes, e mais de R$ 1 bilhão investidos, combinando o sucesso da Volkswagen nos caminhões mais vendidos do Brasil às demandas dos clientes no universo 4.0”, comenta Roberto Cortes, presidente e CEO da VW Caminhões e Ônibus.

Super carência

Na pré-venda, os novos caminhões da VW estão com condições especiais pelo Banco Volkswagen. Os novos Meteor financiados saem com carência de 12 meses para o pagamento da primeira parcela, via CDC (Crédito Direto ao Consumidor), com taxas de 0,59% a 0,89% ao mês, dependendo do plano. As condições são válidas até o dia 31 de dezembro de 2020.

Autonomia maior

A VW diz que os novos modelos vão estar com dois tanques, com capacidades que variam de 630 a 940 litros, de acordo com o entre-eixo escolhido. Com exceção do off-road, todos são de alumínio. Os extrapesados VW também dispõem de taque para 100 litros de Arla 32 para evitar a necessidade de abastecimento durante a viagem.

Entre as novidades os Meteor terão opcional de basculamento elétrico da cabine e o Constellation proteção extra do bloqueio de diferencial para operações mais severas.

Conectividade VW

Com o lançamento dos novos caminhões Meteor e o novo Constellation 6×4, a VW Caminhões e Ônibus ativa e dá um gás em suas tecnologias digitais, com a plataforma RIO de conectividade e telemetria. O sistema vem de série nesta fase de lançamento, levando ao cliente todos os serviços Volks|Care, como a consultoria especializada da Gestão de Serviços Sob Medida (GSSM), da Volkswagen Caminhões e Ônibus, e com inúmeras facilidades digitais, que permitem desde a configuração do caminhão até o agendamento de serviços por meio do telefone celular na rede de concessionárias com mais de 140 endereços no Brasil.

Os caminhões da pré-venda terão monitoramento básico grátis pelo período de três anos. Com base nesse serviço, o dono do caminhão ou o frotista poderão acompanhar os principais indicadores de desempenho do veículo – como consumo, autonomia, distância percorrida e intensidade das freadas, entre vários outros. É o que permite a adoção de treinamentos específicos para os condutores e a melhoria dos resultados da frota, de uma forma geral.

Redação Planeta Caminhão


Volvo abre sua maior concessionária no Brasil, em Itu, interior de SP

Museu American Old Trucks traz uma viagem pela história dos caminhões à Serra Gaúcha

Adeus ao bicudo: Mercedes-Benz lança edição final de despedida do Atron 1635

L-1635 ATRON: O FIM DE UMA ERA.

Uma resposta para Volkswagen lança os caminhões extrapesados Meteor


[topo]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.