Santa Catarina ganhou uma nova unidade do Sest Senat na cidade de Concórdia. Com nova estrutura, maior, mais moderna e eficiente, o espaço apoiará o desenvolvimento do transporte e da economia na região oeste catarinense.

INAUGURAÇÃO SEST SENAT SANTA CATARINA

Segundo o presidente da CNT (Confederação Nacional do Transporte) e dos Conselhos Nacionais do SEST e do SENAT, Vander Costa, a instalação da nova estrutura está diretamente ligada à economia da cidade, concentrada na agroindústria e na agropecuária.

“Essas são duas atividades que demandam serviços de transporte de qualidade, que só podem ser oferecidos por profissionais bem preparados. E fazemos isso por meio da oferta de serviços de educação profissional e de atendimentos de saúde, por acreditar que profissionais saudáveis e capacitados garantem mais produtividade às empresas”, destacou Vander.

A nova unidade do Sest Senat tem, aproximadamente, 4.400 m² de área construída. Sua capacidade permite a realização de mais de 128 mil atendimentos ao ano, em qualificação profissional e assistência na área de saúde.

A estrutura possui uma sala de treinamento para um simulador de direção de caminhão, carreta e ônibus, com capacidade para 15 alunos; nove salas de aula com capacidade para 25 alunos em cada sala; sala para 40 alunos do treinamento de MOPP (Movimentação de Produtos Perigosos); três salas de atividades práticas da Oficina Pedagógica; e dois laboratórios de informática, com capacidade para 18 alunos cada.

Além disso, há consultórios para atendimentos nas especialidades de odontologia, fisioterapia, psicologia e nutrição. Possui, ainda, um centro de eventos e quadra poliesportiva para atividades de esporte e lazer. Tudo isso para proporcionar mais qualidade de vida aos trabalhadores do transporte.


Venda de bebidas alcoólicas é liberada em pontos de descanso

Lei proíbe tráfego de cargas perigosas em serra de Joinville

TRÁFEGO RESTRITO


Atego tem crescimento de vendas em Pernambuco

VENDAS DO ATEGO CRESCEM

PIB cresce no terceiro trimestre de 2019, mas transporte retrai

ESTUDO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.