GRANDES BRASILEIROS

Este modelo, que foi vendido entre 1959 e 1963, ficou conhecido como o ‘’Rei das estradas’’.

O apaixonante modelo L 75, foi o primeiro caminhão Scania fabricado aqui no Brasil, em 1959. Nas configurações cavalo mecânico e chassis rígido.

O caminhão era produzido na linha de montagem da Vemag, que importava veículos Scania-Vabis desde 1951 (A Vemag, a mesma que produzia os DKW´s, com seus motores dois tempos que tinham ronco esportivo, mas fumaceavam bastante por conta da configuração do motor).

O motor do L 75 era importado da Suécia e apenas 35% das peças eram produzidas aqui no Brasil. Mas em 1960, com a fábrica de motores instalada na capital São Paulo, a Scania-Vabis assumiu a produção completa (motor nacional + montagem Vemag).

Foto51-440x290
Dois anos mais tarde, foi inaugurada a fábrica da Scania-Vabis na cidade de São Bernardo do Campo, e ficou conhecida como “Detroit brasileira”, onde está instalada até hoje e assumiu a totalidade do processo de produção do caminhão. (Estão em São Bernardo as fábricas da Scania, Mercedes-Benz e Ford Caminhões até hoje).

O motor deste caminhão é o D-10, com 165CV de potência. Chegou em um momento onde os FNMs, com seus D-11000 tinham forte presença no país. Na época a Scania comunicava que o caminhão chegava a 400.000 kms, o que para a época, era bastante coisa.

Brasidiesel_3caminhoesq1-440x319

O grande diferencial do motor era o uso da tecnologia de injeção direta – até 25% mais econômicos em comparação ao motor com pré-câmara de combustão (lembra da batida clássica do motor do FNM? É resultado da pré-câmara de combustão) – veja na foto abaixo como era a cabeça do pistão do D-11000:

1111
Os primeiros L 75 saíram da linha de montagem na cor cinza-claro. A partir de agosto de 1960, o modelo passou a ser oferecido na cor azul também. Isso porque, na época, oferecer muitas cores para o determinado modelo era muito complexo para a produção de cabines.

O Laranja só passou a ser oferecido à partir de 1963, ano no qual chegou seu substituto, no segundo semestre, o L 76 com seu motor 11 litros. Mas aí já é assunto para um próximo post.

FICHA TÉCNICA:

Cavalo Mecânico L-75 4×2
Motor:  D-10 6 cilindros, com 165 hp a 2.200 rpm, e torque máximo de 63 kgfm a 1.200 rpm
Cilindrada: 10.3 litros
Caixa de mudanças: G660, sincronizada da 2ª até a 5ª marchas.
Caixa de mudanças auxiliar com reduções de 1:1 e 1,4:1, sincronizada.
Direção: 6,5 voltas, de batente a batente
Rodas raiadas de 22”, com pneus 11.00×22”
Tanque de combustível de 130 litros

Pesos e capacidades:
Peso do caminhão: 5.095 kgs
Peso Bruto Total Combinado: 35.000 kgs
(Capacidade de carga + semirreboque de 29.905 kgs)


Saiba como acessar o site do Detran de cada Estado

O maior relógio do mundo… Formado por caminhões

MAIOR RELÓGIO DO MUNDO

Um pedaço da história dos caminhões no seu pulso

SCANIA

Uma verdadeira exposição sobre rodas

OBRA DE ARTE
4 Respostas para PRIMEIRO SCANIA
FABRICADO NO BRASIL
  1. GOSTEI SER BRASILEIRO E CONHECER E VALORIZAR AS MONTADORA QUE TEM UMA HISTORIA AQUI .

  2. Boa tarde, quando procuro o primeiro Scania importado, a rede me fornece o primeiro fabricado no País, gostaria de informações sobre o 1° Scania importado .

  3. Esse Scania 001 pertenceu ao meu pai, que infelizmente faleceu com ele num acidente.
    Foi comprado pelo sr.Carlos José Michelon e posteriormente vendido pro meu pai, sobrinho dele.

  4. O 1º Scania foi importado em 19/12/1949 era um L65, final de chassi 81221!


[topo]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.