A Navistar, empresa americana, passa a ser gerenciada pelo Grupo Traton. A companhia, que já controlava diversas marcas como a MAN, Scania e Volkswagen Caminhões e Ônibus, agora passa a comandar a internacional. Com isso, um novo caminho de oportunidades no mercado norte americano é traçado.

O valor da compra de todas as ações da Navistar foi de US$ 3,7 bilhões (R$18,7 na atual cotação). O grupo europeu se mostra empolgado e visa novos horizontes. “É sensacional para o Grupo Traton, como também, para nossos novos colegas da Navistar”, afirma em nota Matthias Gründler, CEO da Companhia.

O imbróglio das negociações se estendeu desde 2017, quando naquele ano, a Volkswagen Truck&Bus, extinta holding do Grupo VW que deu origem ao Grupo Traton, adquiriu 16,6% da Navistar.

O CEO da Navistar, Persio Lisboa, relata que as marcas da Traton já estão trabalhando de forma conjunta. “Estamos emocionados de fazer parte do Grupo Traton”, afirma.

A fusão das duas companhias pode trazer benefícios ao Brasil, já que pode facilitar o desenvolvimento de novas soluções de transporte em nossas terras.

REDAÇÃO PLANETA CAMINHÃO.


Volkswagen amplia família de ônibus e apresenta o Volksbus 15.190 ODS

A Voz Delas: Caminhoneira contratada ou autônoma? Conheça as diferenças e veja qual modalidade mais lhe agrada

Grupo Gotemburgo inaugura loja de peças Volvo em Juazeiro, no Vale do São Francisco (BA)

Mercedes-Benz oferece test-drive de 200 km com Novo Actros para caminhoneiros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.